“Por um Futuro Sustentável” alcança mais de 7 mil estudantes

2015_04_14-Por um futuro sustentável - Diamante do Norte-PR (26)

Alunos interagem com atores da peça

Mais de 7 mil estudantes de 40 cidades paranaenses e paulistas da Bacia do Paranapanema assistiram a peça “Por um futuro sustentável”, promovida via Lei de Incentivo à Cultura do Governo Federal, com o patrocínio da Duke Energy.

Iniciado em 16 de abril, o espetáculo gratuito foi levado, durante 30 dias, para escolas públicas municipais com o objetivo de apoiá-las em seu trabalho de educação ambiental, abordando o uso racional da água e a geração de energia limpa, entre outros temas.

Voltada a alunos de 8 a 12 anos, a peça conta os esforços de um cientista em prol do planeta. Depois de viajar ao futuro, onde encontra o meio ambiente devastado, ele retorna ao presente para conscientizar a humanidade sobre os cuidados ambientais necessários para evitarmos as graves consequências.

 

22/05/2015 at 09:18 Deixe um comentário

Mais de 3 milhões de mudas doadas

 

 

A Duke Energy acaba de atingir a entrega de mais de 3 milhões de mudas florestais aos proprietários rurais parceiros do programa de Promoção Florestal.

Toda quantia doada, foi plantada nas Áreas de Preservação Permanente (APPs) das propriedades, que estão dentro das áreas de influência dos reservatórios da empresa no Rio Paranapanema.

Programa de Promoção Florestal

Os números impressionam, já que seria como se a empresa tivesse recuperado ambientalmente, uma área equivalente a 3 mil campos de futebol. Muita coisa, não?

O programa de Promoção Florestal nasceu em 1999 e, desde então, vem fazendo parcerias promissoras junto aos proprietários rurais da região do Paranapanema.

 

15/05/2015 at 15:36 Deixe um comentário

Duke receberá “Selo Ouro” no Programa GHG Protocol

 

GHG

 

Após auditoria realizada entre março e abril pela empresa BSI Brasil Sistemas de Gestão, a Duke Energy recebeu a Declaração de Verificação do Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa (ano base 2014).

A certificação atesta a consistência dos dados do nosso Inventário e a aderência aos critérios estabelecidos pela ISO 14065:2007 e pelo Programa Brasileiro GHG Protocol (FGV) para elaboração e quantificação de Inventários Corporativos de Emissões de Gases de Efeito Estufa.

Com a certificação a Duke está habilitada em obter o “Selo Ouro” da FGV no âmbito do Programa Brasileiro GHG Protocol. O selo será emitido e divulgado pela FGV em agosto deste ano.

08/05/2015 at 12:19

Monitoramento de áreas: Duke Energy é pioneira na adoção de sistema

Companhia apresenta uso do SIRGAS 2000 no setor elétrico, em seminário do IBGE que debate esse sistema geocêntrico

A Duke Energy participa, no dia 7 de maio, do seminário sobre o novo Sistema de Referência Geocêntrico para as Américas, SIRGAS 2000, que ocorre na capital paulista. O evento tem como objetivo abordar a transição para o sistema geodésico de referência oficialmente adotado no Brasil a partir de 25 de fevereiro de 2015.

1-Encontro-de-Topografia

Por esse pioneirismo, a companhia foi convidada pelo IBGE – responsável pela gestão da estrutura cartográfica no Brasil – a participar do seminário a fim de relatar sua experiência e os resultados positivos desta mudança.

Na Duke Energy, a geoinformação é utilizada na gestão territorial dos reservatórios e seus entornos, nos mapeamentos para caracterização das áreas de impacto dos reservatórios, no monitoramento ambiental, visando atender as necessidades de licenciamento ambiental e outras atividades.

Georreferenciamento

ENCONTROS DEBATEM EMPREGO DA TECNOLOGIA NA BACIA PARANAPANEMA

Iniciativa da Duke Energy é realizada anualmente e de forma itinerante, em municípios paulistas e paranaenses. A 7ª edição do evento será realizada em setembro, reunindo estudantes e profissionais especializados em serviços de topografia em reservatórios. Pioneiro na região da Bacia do Paranapanema, o encontro é realizado de forma itinerante e em parceria com universidades, prefeituras e entidades de arquitetura e engenharia, contemplando municípios paranaenses e paulistas.

Os participantes têm atuação voltada ao setor elétrico ou ligada ao meio ambiente, em atividades agropecuárias, científicas ou tecnológicas. A cada evento são programados palestras, mesa de debates, workshop e atividades práticas sobre temas relacionados à topografia e geodésia aplicadas no meio ambiente em atividades agropecuárias, científicas ou tecnológicas, e desafios e responsabilidades da profissão.

SAIBA MAIS

A topografia e geodésia são consideradas fundamentais na geração de qualquer base cartográfica. São utilizadas em levantamento de barragens, redes elétricas, telefônicas, hidráulicas; cálculos de volume de aterros e terraplenagens; plantas topográficas de lotes e áreas edificadas; mapeamento de lavouras e áreas de preservação permanente; rodovias; etc.

Enquanto a topografia trata de projetos com não mais do que 10 quilômetros de lados (considerando o terreno como plano), a geodésia abrange os que excedem esse limite, sendo necessário considerar a curvatura da Terra em suas medições.

05/05/2015 at 11:43

Projetos apoiados pela Duke Energy atingem cerca de 3 mil

CMDCA
Divulgamos o balanço dos projetos apoiados por meio de dedução fiscal, via CMDCA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, em 2015.
São ao todo 18 projetos, que beneficiam 2.830 crianças e adolescentes, de 10 a 17 anos, confira abaixo:
​MUNICIPIOS ESTADO​ PROJETO ATENDIDOS​​
​Santo Inácio ​Paraná ​Banda Marcial ​65
​Salto Grande ​São Paulo ​Sol Maior, Sol para todos ​100
​Florínea ​São Paulo ​Renovando a Natureza ​40
​Pedrinhas Paulista ​São Paulo ​Floresta Viva ​40
​Teodoro Sampaio ​São Paulo ​Guarda Mirim Ambiental ​60
​Assis ​São Paulo ​Boto Verde ​80
​Bernadino de Campos ​São Paulo ​Bernardino em Ação ​290
​Centenário do Sul ​​Paraná ​Educando pelo Esporte ​300
​Tejupá ​São Paulo ​Re-Ação ​50
​Palmital ​São Paulo ​Aprendiz – Rumo ao 1o Emprego ​50
​Taquarituba ​São Paulo ​Brincando e Aprendendo 325
​Primeiro de Maio ​​Paraná ​Show de bola com Cidadania ​400
​Itabaracá ​​Paraná ​Florescer ​240
​Porecatu ​​Paraná ​SOS Natureza Energy ​120
​Andirá ​​Paraná ​Projeto Esperança ​150
Iepê​ ​São Paulo ​Horto-Life ​60
​Fartura ​São Paulo ​Fartura em Cena ​300
​Rineirão do Sul ​São Paulo ​Atena ​160
TOTAL 2830​
Além dos projetos já apoiados em anos anteriores, 5 novos projetos foram contemplados, dentre eles, a Banda Marcial de Santo Inácio/PR.
GuriA Banda Marcial atende 65 alunos de 10 a 17 anos, da rede pública de ensino. É desenvolvido pela prefeitura em parceria com o CRAS, com aulas duas vezes na semana e ensaios gerais todo sábado.
O projeto tem o objetivo de desenvolver a autoestima dos alunos e gerar potencial de competitividade, companheirismo, respeito mútuo e trabalho em equipe, bem como estimular a criatividade e o despertar para a prática do estudo. Além de sensibilizá-los para artes em geral, refinar o gosto musical e aproximá-los de eventos cívicos municipais, regionais e nacionais.

14/01/2015 at 16:07

Empreendedorismo: Conheça o projeto empreendedor da Duke em Rosana/SP

Iniciativa da Duke Energy, em parceria com Sebrae e Prefeitura, estimula o empreendedorismo e gestão de pequenas empresas

Com o objetivo de estimular o empreendedorismo e ampliar a participação feminina na economia local, será iniciado no assentamento Gleba XV de Novembro, em Rosana, o programa Empreendedoras Latinas.

mulheres_empreendedoras-01No Brasil, a ação é desenvolvida em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Prefeitura de Rosana, e beneficia integrantes da Omus (Organização das Mulheres Unidas da Gleba XV de Novembro). O local de trabalho das integrantes já conta com uma cozinha-piloto e a empresa fará a doação de novos equipamentos para melhorar ainda mais as condições do local e as atividades do grupo. Além disso, na parceria com o Sebrae, investirá na capacitação e preparação das mesmas, para melhor condução de seu modelo de negócios.

Qualificação profissional

O trabalho será realizado por meio de oficinas, palestras, aulas, cursos e consultorias com técnicos do Sebrae e profissionais voluntários da concessionária. Os encontros abordarão áreas específicas como redes associativas, planejamento de custos, marketing, compras conjuntas, negociação de produtos do campo, qualidade, gestão de caixa, fluxo financeiro e saúde e segurança do trabalho.

14/01/2015 at 15:56

Conheça o Programa de Manejo Pesqueiro da Duke Energy

 

 

 

Programa de Manejo Pesqueiro tem o objetivo de repovoar a bacia do Paranapanema com peixes de espécies nativas, de modo a preservar a natureza e a biodiversidade e assim cuidar do nosso PLANETA. Norberto Castro Vianna, coordenador de Meio Ambiente fala sobre a importância do programa para o “Panema”.

Manejo

 

12/12/2014 at 14:52

Posts antigos


Twitter

Categorias


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 604 outros seguidores